Desafios para o Marketing em 2009 | Blog da Sandra Turchi | Comunicação e Marketing Digital

Desafios para o Marketing em 2009

Desafios para o Marketing em 2009

150 150 Sandra Turchi

O ano de 2009 certamente ficará marcado em nossa lembrança como um ano de incertezas, receios e grandes desafios para todos e, sem dúvida, impactará muito a criatividade dos profissionais de marketing que deverão buscar soluções cada vez mais inovadoras.

Esse cenário que se descortina trás novas informações todos os dias e obrigará empresas e agências a se readequarem diante da necessidade urgente de resultados práticos e efetivos, mas com investimentos cada vez mais reduzidos. Infelizmente, a busca por prêmios talvez tenha que ficar em segundo plano por enquanto.

Isso implica em refletirmos sobre alguns pontos cruciais para as ações de marketing e comunicação, são eles:

  1. A necessidade de maior assertividade na definição do target pois, sem dúvida, para identificar quem são seus consumidores e localizá-los, será imprescindível analisar aspectos que vão muito além do tradicional (e simplista) perfil sócio-demográfico (ex.: homens 25+). Hoje, mais do que nunca, teremos que implantar metodologias baseadas em aspectos comportamentais, em hábitos culturais, entre outros;
  2. A atual fragmentação dos veículos de comunicação é outro fator que impõe aos profissionais uma investigação e um conhecimento muito maiores para que se possa propor uma estratégia de mídia mais adequada aos perfis dos clientes;
  3. A ampliação da complexidade leva à necessidade de mais tempo a ser investido no planejamento do que em qualquer outra etapa da elaboração das atividades de marketing e comunicação;
  4. A necessidade da criação de ferramentas de mensuração muito ágeis e eficazes, visto que é a única forma de se aperfeiçoar e se redirecionar campanhas, se necessário, ainda durante sua execução;
  5. Os riscos de não mergulhar no universo digital e não conhecer as suas enormes oportunidades e possibilidades, tendo em vista que hoje todas as classes sociais no país estão on-line. Estima-se que em 2009 aproximadamente 70 milhões de brasileiros estarão conectados. Mesmo que a metade desse público navegue em Lan houses e cyber cafés, eles estão observando a comunicação das empresas e seus produtos, estão trocando informações uns com os outros, jogando, ‘blogando', pesquisando e colaborando.
  6. Investir no e-commerce tendo em vista que as classes B, C e D já representam 74% do público internauta e o povo brasileiro é o que dedica maior tempo em navegação, com aproximadamente 24 por mês, ficando à frente de Japão, EUA e França.
  7. A importância de conhecer as comunidades e o que elas estão falando sobre o seu produto e a sua empresa, pois se você ainda não sabe isso já deve estar impactando seus negócios!

Essa crise será fundamental para fazer com que a sociedade reflita sobre seus modelos econômicos e políticos e por outro lado ela também provocará uma renovação no perfil que se espera dos profissionais em geral, e mais especificamente nos de marketing e comunicação, pois quem não tiver a habilidade e a capacidade para se reinventar provavelmente não superará esses desafios e não sobreviverá a esse período crítico.

Artigo publicado na Revista Marketing - fev./09